Sentimentos soltos: Eu sempre tropeço nos meus sonhos..

15:17




Volta e meia nós sempre tropeçamos em algo no caminho para realizar os nossos sonhos não é mesmo? 

Não sei se seja pura ironia, mas eu sempre tropeço nos meus sonhos.


O caminho pode estar todo muito bem, poucos obstáculos, poucas barreiras, poucos problemas e na hora de o realizar tudo acaba por cair. Meus sonhos se vão sabe?

Mas deixem que eu vos conte um pequeno segredo, eu nunca desisto! Toda a minha vida ensinaram-me e encorajaram-me a lutar por aquilo que eu quero, a nunca abrir mão do que eu acho que seja bom para mim ou que conduza à minha felicidade, mas por vezes tem coisas que nós desejamos que simplesmente não são as certas para nós, aí é a hora certa de deixar para trás e agarrar um novo plano. Todos os anos eu faço uma lista de coisas que eu quero que se realizem durante o novo ano, e por vezes eu chego ao final do ano com muitas coisas que não foram cumpridas, outras deixadas para trás, mas eu sorrio - sorrio pois não tem razões para não ficar feliz - pois eu sei que se aquelas coisas não aconteceram era porque não estavam destinadas para acontecer comigo e que algo melhor virá. O problema é quando tudo começa a ficar incompleto, os planos começam a descarrilar e quando da-mos conta já inúmeros objectivos, planos, sonhos ficaram a meio. 

É, a meio, como quando nós cortamos uma meloa para comer, comemos uma metade e a outra guardamos, no fundo do frigorífico.

Tudo fica a meio.

Os sonhos ficaram a meio.

Não foram os obstáculos.

Não há culpados.

A culpa não é tua.

Paciencia.

Aconteceu. 

Ou melhor, não estava destinado a acontecer. 

Quantas vezes estas coisas já não aconteceram comigo? Sonhar alto e tombar no fundo do poço! Porque como eu disse, eram só sonhos. 

Sonhos que não estavam destinados para mim, e alguém me vê a chorar pelos cantos por isso? Lamentar que tudo poderia ter sido diferente?

Realmente poderia ter sido diferente, poderia ter dado certo só desta vez, mas não deu, e ninguém pode tentar emendar o que não está destinado a acontecer. Assim como não podemos mudar as coisas que fizemos, não podemos tentar fazer as coisas que não conseguimos fazer. Mas isso não significa que sejas mais fraca que os outros, que não lutes pelos teus objectivos, às vezes nós somos assim mesmo, nós queremos o impossivel de ter, a nossa escolha é contraditória à escolha que a vida tem para nós. Às vezes as coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer connosco, certos sonhos não são os certos para nós, mas muitos outros viram, muitas tentativas surgiram e aí só nos cabe a nós lutar mais uma vez e tentar que tudo dê certo, e se não der? Nós nos levantamos mais uma vez, de cabeça erguida, e lutaremos até mais forças não restarem. Porque os grandes sonhadores são assim, eles tentam, vezes sem conta, sem nem cansar mesmo que não consigam alcançar, só a vontade de tentar e lutar já faz eles se sentirem verdadeiros caçadores de sonhos. 

Não gostas do rumo que as coisas estão a levar? 

Muda, luta, persiste mas nunca desista. 

You Might Also Like

0 comentários

Press